Carros Importados: Conheça os Custos Associados

A indústria automóvel em Portugal tem pouco peso em termos de construção made in e também por isso as viaturas acabam por chegar a preços quase proibitivos ao mercado, seja pelos custos de transporte ou os elevados impostos cobrados pelo Estado (que é dos que mais dinheiro exige nas inúmeras taxas aplicadas nestas transacções).

Em conjunto, ambos os aspectos estão a “matar” o sector nacional dedicado aos novos, ou seja, carros saídos de fábrica, o que, em contrapartida, abre uma janela de oportunidade, ainda que muito pequena, ao “irmão” que opera no segmento dos usados.

Contudo, nem sempre a alternativa de adquirir um veículo novo ou usado em território lusitano se apresenta como vantajosa, tanto pelo valor pedido como pela falta de certos modelos de automóveis que não chegam a ser lançados no subsector dos carros usados e por vezes nem o mercado dos veículos novos os transacciona. É nestes casos que olhar para o estrangeiro deve ser o caminho a seguir quando se pretende comprar aquele modelo em específico mas não se consegue encontrar por cá, seja porque razão for.

Quando nos deparamos com aquele tipo de impedimento a melhor alternativa é, então, informarmo-nos de todos os procedimentos e custos que implicará adquirir o carro em outro país. A pensar nessa circunstância, deixamos-lhe em seguida uma série de factos acerca desse procedimento, não se precisando valores, pois estes variam bastante devido a um vasto conjunto de agentes.

Custos de importar um veículo usado

  • Pagamento do automóvel, algo com o qual naturalmente tem de contar mais, apesar de também aqui ter de considerar a forma de liquidação, que pode ir desde o pagamento na íntegra ao parcelamento de acordo com os trâmites da venda (no caso dos particulares terá de efectuar a liquidação em apenas uma parcela na esmagadora maioria dos casos);
  • Estadia, alimentação e viagem de ida da pessoa que irá transportar o veículo. Este é um dos custos mais variáveis, pois depende em muito do país onde adquiriu o carro, por que rota irá viajar (se paga ou não pela utilização das vias) e o número de paragem que tem de efectuar de acordo com as horas necessárias para realizar o trajecto (os motéis são provavelmente a opção mais barata para pernoitar);
  • Combustível para a viagem, acordo com uma transportadora ou contrato com a empresa à qual comprou o veículo. Este é um aspecto importante mas principalmente fundamental quando não é o novo proprietário do carro que o transporta para Portugal. Se tal não se verificar tem ainda de contar com o dinheiro gasto em combustível, embora já não tenha de se preocupar com outras burocracias referentes a este assunto;
  • Imposto Automóvel (IA): calculado em função de várias características da viatura em causa, incluindo o país de aquisição, ano de produção e cilindrada. Não há, contudo, lugar à cobrança de qualquer percentagem de IVA por ser um carro que já esteve em circulação, beneficiando, por isso, da isenção dessa taxa;
  • Dízimas adicionais em aquisições fora da União Europeia. Ao comprar um veículo fora da UE irá ter diversas agravações de custos e outras limitações, nomeadamente um desconto único de 10 por cento no IA (e não consoante a vida útil da viatura), taxa de 10 por cento sobre o preço do veículo (concernente aos direitos aduaneiros) e mais 19 por cento de IVA (igualmente à luz do valor do carro e sem isenção, por ser fora da UE);
  • Documentos de legalização do veículo que tem de possuir obrigatoriamente quando o importa para Portugal, entre os quais se encontram os diferentes ofícios da alfândega e do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres (IMTT). Por fim, um seguro (mesmo que temporário), pois sem uma apólice válida não poderá conduzir o carro em país nenhum da União Europeia.
Esta entrada foi publicada em Carros Importados com as tags , . ligação permanente.

153 Responses to Carros Importados: Conheça os Custos Associados

  1. bom dia Nuno Baptista
    quanto à questão que coloca no caso do de um particular comprar o veiculo a um stand este é obrigado a vender com iva ou seja( Gross) em Portugal não é devido IVA sempre que os veículos tenham mais de seis meses e mais de 6000km
    cumprimentos

  2. Alejandro Goncalves diz:

    Soy ciudadano portugués pero naci en Venezuela y en este momento estoy viviendo en Alicante España.

    Debido a la crisis venezolana me vi forzado a venirme a España con mi familia.

    Yo tengo en Venezuela una camioneta grand cherokee 2011 laredo 4×2 motor V8 5.7 Hemi y una moto KLR 650cc que quisiera evaluar la posibilidad de traermela bien sea a España o a Portugal.

    Dejame saber si es posible y cuabto serian los costos estimados de esa operación.

  3. Ricardo Gonçalves diz:

    Boa noite Raquel
    Agradecia que se possível me desse uma ideia dos custos de importação de uma viatura de Angola para Portugal sendo que a viatura em questão é uma carrinha da Marca Hyundai Mod. HD65 de serviço particular 3 lugares cilindrada 3.568c.c. Diesel , caixa fechada isotermica com 2,500Kg de tara , do ano de 2014 . Agradecia que se pudesse me facultasse alguma informação para poder calcular se me compensaria ou não trazer a mesma para Portugal .
    Obrigado

  4. bom dia
    de forma a podermos ajudar é necessário indicar valor do veiculo e valor aproximado
    do frete Luanda/leixoes/lisboa
    cumprimentos

  5. Ricardo Gonçalves diz:

    Boa tarde Raquel
    Vou ver então os valores que me pede
    Obrigado e cump

  6. Ricardo Gonçalves diz:

    Boa noite Raquel
    O valor de frete ronda os 3 mil dolares e o valor comercial do veiculo os 30 mil dolares sendo que é a moeda usada em Angola em transações .
    Aguardo então informação
    Obrigado e cump

  7. bom dia
    dado tratar-se e de situação especifica sugerimos o contacto de email morais@raquelmar.pt
    cumprimentos

  8. Ricardo Gonçalves diz:

    Bom dia Raquel
    Enviei mail como me pediu e continuo a aguardar uma resposta.
    Muito obrigado e cump
    Ricardo Gonçalves

  9. bom dia
    não foi recebido favor reencaminhar
    cumprimentos

  10. Ricardo Gonçalves diz:

    Bom Dia
    Reencaminhei agora
    Obrigado e cumprimentos

  11. Joao diz:

    Boa tarde, posso comprar um carro no estrangeiro a um particular sem ele me passar uma factura, e seguidamente legalizar, pagando apenas o ISV ou terei que pagar os 23 de IVA?

  12. bom dia
    se o veiculo foi adquirido a um particular num país da CE não é devido IVA desde que o carro tenha mais de 6 meses e mais de 6000km
    cumprimentos

  13. Ricardo Martins diz:

    Boa Tarde.
    Gostava de saber qual o valor a pagar por um carro de Angola para Portugal o carro é um Hyundai I10 de 2009 cilindrada 1086 CC o valor do frete Angola-Portugal ronda os 3000$
    foi comprado novo o valor na altura era de 12000$ .
    Aguardo Resposta.

  14. João dias diz:

    O Luxemburgo também não tem nenhum modelo

  15. bom dia
    Ricardo Martins
    de forma a podermos ajudar é necessrio indicar tambem o valor dedescarga do CO2
    cumprimentos

  16. Ricardo Martins diz:

    Portanto o valor de Co2 indicado na net é de 139 g / klm.

  17. bom dia
    Ricardo Martins
    o veiculo em questao deverá pagar cerca 6.929.00, para efeitos de calculo foi considerado
    veiculo a gasolina. favor registar de que terá outras despesas associadas tendo em conta
    que o veiculo vem de um terceiro país
    cumprimentos

  18. João dias diz:

    Bom dia tenho um veiculo marca hyundai ix35, BLEU DRIVE 1700 125 km 2x rodas motrizes ano 2013 CO2 125.
    A minha pergunta era saber os gastos para legalizar está viatura, dado que sou imigrante
    Mas na pretendo mudar de residência.
    Obrigado espero por respostas

  19. João dias diz:

    Desculpe não é 125 hm mas sim 125 kw

  20. bom dia Joao Dias
    favor informar o pais de procedencia do veiculo, por forma a podermos fazer calculos
    cumprimentos

  21. João dias diz:

    Vem do Luxemburgo
    Obrigado

  22. bom dia Joao Dias
    o veiculo em questao vai pagar 4.586,09€
    cumprimentos

  23. jose carlos diz:

    boa tarde tenho andado a ver preços de carros em sites franceses mas aparecem dois preço um de exportação (ttc) 10000 eur e (htc) 11500 eur se eu comprar o carro para portugal devo pagar o preço ttc mesmo sendo particular?.aguardo resposta

  24. Boa Noite Jose Carlos
    quanto à sua questao deve considerar:
    1º se o veiculo for adquirido por um particular tem que htc
    2º se se tratar de empresa é claro que o TVA(IVA) nao pode ser debitado na fatura
    cumprimentos

  25. José Carlos diz:

    Boa noite então eu sendo particular o preço para mim é o HTC, correto?

  26. Jose Carlos
    sim está correto, salvo se for um particular a vender, isto no nosso enteder
    melhores cumprimentos

  27. José Carlos diz:

    Mas se o carro estiver à venda num stand o preço é o HTC.correto.mas para legalizar um carro não é preciso fatura?)

  28. bom dia Jose Carlos
    a fatura é necessaria

  29. maria camacho diz:

    Raquel boa tarde , eu sou venezolana com nacionalidade portuguesa e quero traer mi viatura jeep cherokee sport 4×2 ano 2013 32000 km da venezuela a oporto o lisboa. Pode por favor fazer um presupuesto si es posivel fazer esto.

    obrigada

  30. bom dia Maria Camacho
    sim pode trazer sem qualquer problema, desde que o carro seja de sua propriedade pelo
    menos um ano e um dia na data de cancelamento da sua residencia.
    assim deve dirigir-se ao Consulado Portugues ou Embaixada e solicitar o certificado Conular
    para efeitos de legalizaçao do carro em Portugal
    cumprimentos

  31. Carina Rocha diz:

    Bom dia. .
    Eu estive a viver durante três anos em franca e desde o mês de marco de 2017 que estou em portugal com o meu carro francês, um Suzuki swift de 2008.
    Ouvi dizer de que eu tenho desconto na legalização em portugal por ter morado em França.
    Poderiam me dizer o que tenho q fazer para a legalização e que documentos preciso?
    Obrigado

  32. paula machado diz:

    Bon dia eu tenho um nissan juck cinlendrado 1500 e de 2012 to gasolina em Portugal desde 2013 a matricula e belga e gostava do matricular em Portugal so reformada por envalides podia ffv me dizer se tenho que pagar muito

  33. paula machado diz:

    Bon dia eu tenho um nissan juck cinlendrado 1500 e de 2012 gasolina to em Portugal desde 2013 a matricula e belga e gostava do matricular em Portugal so reformada por envalides podia ffv me dizer se tenho que pagar muito

  34. Anna Chesnokova diz:

    Bom dia.
    Eu trouxe o MB da Rússia para legalizar e usar em Portugal. Tenho a residência em Portugal, passo lá 3-4 meses por ano. Devo ou não devo pagar o IVA se possuo o carro já há 1 ano e 3 meses e comprei-o usado?

  35. António josé Oliveira diz:

    Boa tarde
    Gostava se possível de saber o histórico de um veículo importado de Itália por exemplo Km com a seguinte matricula, 37 – PI – 84, Obrigada.

  36. Jose Augusto Reis diz:

    Por razoes de ordem profissional, tenho que me deslocar á Coreia do Sul.
    A questao que ponho é a seguinte: Poderei adquirir lá um carro novo e trazer para Portugal?
    Se sim, quais os procedimentos que terei de fazer.
    Muito obrigado.

  37. MIGUEL PRACA diz:

    Finalmente uma publicação util e completa sobre custos de importação. No meu caso, regressando dos EUA, tenho certas isenções ao mudar de residencia. Para me informar sobre a taxa que teria que pagar em diferentes opções o Consulado Geral de S. Francisco manda-me para o site das Finanças. Esse site tem muitos links inoperantes mas oferece forma de enviar preguntas por email, que são ignoradas por periodo indefinido (duas semanas sem acusar receção – imagine-se que alguém um dia vai ler e rir-se da minha credulidade). Tem um numero de telefone onde se pode ouvir uma mensagem rotativa confirmando que não fomos atendidos (utilidade questionável), a qual se pode escutar por periodo ilimitado, sem perigo de ser interrompida por um atendimento imprevisto.
    Pesquisas no site das Finanças pouco ou nada de útil geram. Outros sites incluindo ACP tem todos informação muito incompleta e restrita a importações dentro de UE.
    A informação neste blog premite-me calcular os custos de importação de um segundo veiculo (sem isenção) seja ele uma moto, ou veículo eletrico. A conclusão é que provavelmente não compensa, depois de se aplicar uma taxa aduaneira de 10%, mais o IVA de 19%, e no caso da moto mais o ISV. Se o Consulado não tem competnência para ajudar os emigrantes nestes assuntos pregunta-se para que serve?

  38. bom dia MIGUEL PRACA
    favor registar de que caso a mota seja de sua propriedade pelo menos um ano
    na data de cancelamento da sua residência, é isenta de direitos e IVA, apenas
    paga ISV para o efeito deve requerer a concessão da franquia aduaneira e fiscal
    no momento do seu regresso
    cumprimentos

  39. MIGUEL PRACA diz:

    Obrigado pela clarificação. Para minha investigação agradecia se me indicasse a lei que aplica a regra de 12 meses de posse do veiculo. Parece estar em confito com O Regulamento (CE) n. o 1186/2009 do Conselho, de 16 de Novembro de 2009 , relativo ao estabelecimento do regime comunitário das franquias aduaneiras que estipula um prazo de 6 meses aplicado a todos bens pessoais incluindo veiculos (http://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/ALL/?uri=celex:32009R1186) – ver TÍTULO II, CAPÍTULO I, Artigo 4.o, alinea a) “…tratando-se de bens não consumíveis, tenham sido por ele utilizados na sua anterior residência habitual durante pelo menos seis meses…”

  40. bom dia MIGUELPRACA
    apresentamos as nossas desculpas trata-se de 6 meses e não 12 meses a propriedade para efeitos de franquia aduaneira REG ce1186/2009, e franquia fiscal (IVA) artº 2º do Dec-Lei31/89

  41. Antonio Paulino diz:

    Boa noite, pertendia comprar um mercedes A180 de 2013 em França.
    Cilindrada 1500 quanto é que pagava para o legalizar em Portugal?
    Obrigado

  42. bom dia
    de forma a podermos ajudar deve indicar:
    cilindrada
    ano e mês da 1ª matricula
    valor de descarga de CO2
    cumprimentos

  43. Antonio Paulino diz:

    Boa tarde, gostaria de saber quais os custos para legalizar um carro vindo de França:

    carateristicas :
    mercedes C220 cilindrada 2143cm3
    1ª matricula 07/2012
    CO2 133g/Km

    Muito obrigado

  44. boa Tarde Antonio Paulino
    o veiculo em questao vai pagar de Imposto 6.536,37€
    para o efeito foi considerado veiculo equipado com filtro de particulas
    cumprimentos

  45. Antonio Paulino diz:

    Boa noite, assim fica um pouco dispendioso.
    Muito obrigado pelo esclarecimento.

  46. Rodrigo Hakas diz:

    Boa Noite,
    Gostaria de saber posso importar meus dois veiculos, temos os dois por mais de 2 anos
    Mercedes ML500 2006 8 Cilindros 5.0L e CO2 de 273.7 g/km
    Volvo V50 2004 5 cilindros 2.4L e CO2 de 204 g/Km
    os dois estao na Nova Zelandia.
    Qual seria o custo para a legalizacao dos carros?
    Muito Obrigado

  47. bom dia Rodrigo Hakas
    de acordo com a lei 22-A2007 cada emigrante apenas pode beneficiar de isenção de um veiculo,
    porem se for casado a esposa também tem direito desde que tenha carta de conduçao
    pra mais informação se pretender favor contatar morais@raquelmar.pt
    cumprimentos

  48. Fábio diz:

    Boas,
    Estou na iminência de adquirir um carro usado e importado.
    O vendedor informou me que, apesar de a carrinha não estar ainda legalizada, que iria tratar de todo o processo.
    Se eu comprar o carro, já com a matrícula portuguesa, que cuidados deve ter?
    Que documentos posso pedir ao vendedor para me salvaguardar que este fez o processo de legalização correctamente.
    Obrigado.

  49. Rodrigo Hakas
    para maior detalhe se pretender favor contactar
    morais@raquelmar.pt
    cumprimentos

  50. Maria diz:

    Boas,
    Estou na iminência de adquirir um carro usado e importado.
    O vendedor informou me que, apesar de o carro não estar ainda legalizado – não tem matricula portuguesa, que iria tratar de todo o processo.
    Se eu comprar o carro, já com a matrícula portuguesa, que cuidados deve ter? Quanto ao registo do carro em Portugal sendo eu apenas o segundo proprietário, como saber se está com o imposto automovel pago e como saber histórico do carro ….. etc….
    Que documentos posso pedir ao vendedor para me salvaguardar que este fez o processo de legalização correctamente.
    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *